TOP 10 dos livros de 2014

Por Lorena Moura

Chegou o momento mais tenso do ano.  O de fazer uma lista com os dez melhores livros que foram resenhados em 2014.  Um verdadeiro TOP 10. Esse ano tivemos uma mistura de gêneros na Coluna, o que é bem legal porque me dar a oportunidade de conhecer outros autores e assim poder levar para vocês tudo de mais novo que está sendo publicado por aqui. Ansiosos pela lista?

Ah, mas este também é o momento de desejar a todos vocês que me acompanham toda quarta-feira neste mesmo bat canal, um excelente Ano Novo! Que 2015 seja incrível e cheio de realizações para todos. Ah, e recheado de excelentes leituras!

Vamos conferir a lista do nosso TOP 10 de 2014.  Depois me digam se gostaram.

Em décimo lugar ficou o livro:

A Lua de Mel, da Editora Record. Uma aposta certa para se divertir e dar muitas gargalhadas. Quem já leu algum livro da autora Sophie Kinsella sabe que suas histórias falam sobre romance e que sempre a personagem principal será uma mulher que acredita fielmente no amor e em um final feliz, mas nesta sua mais recente obra, “ A Lua de Mel”, temos duas personagens principais. Lottie que fantasiou um pedido de casamento que nunca aconteceu (e isso será o pontapé inicial para cenas de risos e diversão) e Fliss a irmã mais velha que fará de tudo para não deixar que a irmã se meta em uma roubada.

Em nono lugar:

Os Assassinos do cartão-postal, da Editora Arqueiro. É um bom livro para exercitar sua mente, porque o autor te força a ir juntando as peças para tentar solucionar o mistério. E a cada vez que você acha que já tem a resposta, ele te mostra que foi um equívoco. Um livro indicado para quem assim como eu, ama os livros policiais e o fato deles serem desafiadores a ponto de testarem o seu poder de dedução.

Em oitavo lugar:

As Luzes de Setembro, da Editora Suma de Letras. Para quem acompanha a Coluna sabe que Carlos Ruiz Zafón para mim é um dos melhores autores da atualidade. E esta obra mesmo pertencendo à categoria infanto- juvenil, não deixa nada a desejar  em relação aos seus livros adultos. É claro, que a temática muda, mas o que não é alterado nunca é a perfeição empregada na construção de suas obras. 

Em sétimo lugar:

O Sexto Homem, da Editora Arqueiro. Este livro me surpreendeu muito. Foi o primeiro que li do David Baldacci. Fiquei muito feliz de ter lido esta obra e ter tido a chance de conhecer mais um excelente escritor. Que impõe um ritmo veloz a sua obra e em momento nenhum cansa o seu leitor. 

Em sexto lugar:

Papillon- O homem que fugiu do inferno, da Editora Bertrand Brasil.  Esta obra apresenta um relato pessoal de um jovem francês de 25 anos condenado á prisão perpétua por um assassinato que não cometeu, e que foi mandado para a Guiana Francesa para cumprir sua pena. As aventuras e planos de fuga deste jovem ficaram conhecidos no mundo todo. Papillon(borboleta em francês) é um livro autobiográfico de Henri Charriere, que relata as brutalidades do sistema penitenciário francês e principalmente seu único objetivo desde que foi condenado: fugir.

Em quinto lugar: