Os escritos de Napoleão

UipIE5RvLO2h3EXQDZyYjwn4Tg-AVwGONXHZ56WS7soPor Lorena Moura

Meu pai é o responsável por inserir em mim a paixão pelos livros, pelos mitos gregos, romanos e outros personagens que marcaram a história, como Alexandre O Grande, e Napoleão, que foi  um dos maiores estrategistas que a história mundial já conheceu. Até hoje ele é uma das maiores referências na arte de criar formas de vencer batalhas. E continua sendo estudado por muitas pessoas que procuram entender mais sobre os seus ensinamentos. E essas  incríveis estratégias fizeram com que o especialista Bruno Colson, tivesse a ideia de  reunir pela primeira vez todos os escritos, relatos orais anotados pelos memorialistas  de Napoleão. E é esse o conteúdo do livro resenhado desta semana “Sobre a guerra: a arte da batalha. Obra completa e e comentada por Bruno Colson”.

No livro os admiradores do comandante francês poderão encontrar cartas e relatos encontrados em arquivos. É um livro diferente, que aos poucos vai conquistando o leitor. Achei a proposta de Bruno Colson incrível. Para quem não sabe, Bruno é professor da Universidade de Namur, na Bélgica. Uma pessoa envolvida com a história e claro, fã de Napoleão. Essa obra é um grande ganho para a história mundial. A verdade é que Napoleão era um danado porque conseguia mobilizar exércitos e criar estratégias fortes que ganhavam todas as batalhas, menos a de Waterloo, como todos sabem.

A influência dele é tão grande que parte do seu código civil, embasado nos preceitos da Revolução Francesa,  vigoram até hoje na França. Os exércitos de vários países também continuam se espelhando em Napoleão para montar suas estratégias.  Para quem gosta de aprender um pouco mais sobre os fatos e personagens que marcaram a história mundial, este livro é uma excelente opção. Indico.Boa leitura!

Lorena Moura- Jornalista

lorenamoura87@gmail.com  

Você também vai gostar:

Os melhores contos de fantasia
Mulheres, uma ilha e muitos dramas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>