O Novo Universo Expandido de Star Wars

geek-starPor: Rafael Sanges

A saga Star Wars é, sem sombra de dúvida, um dos maiores marcos de cultura pop da história. Desde o lançamento do primeiro filme, em 1977, um frenesi cult se espalhou por milhões de fãs no mundo inteiro, e continua se propagando e se renovando até os dias atuais. É um fator que ocasionou situações bem curiosas, como, por exemplo: em um censo sobre crenças religiosas, realizado em 2001, no Reino Unido, 390.127 pessoas, 0,7% da população total, declarou fazer parte da religião Jedi. Algo que pode não ter passado de uma piada pós-moderna por parte de muitos ateus, mas a expressividade massiva dos números por si só reflete a força que detém a popularidade da franquia. Por isso, com tamanho nível de celebridade, não é de se surpreender que o universo Star Wars reproduza a realidade do nosso e esteja em constante expansão.

Chama-se de Universo Expandido (UE) de Star Wars todo o aglomerado de obras oficialmente licenciadas que fazem parte da Saga Guerra nas Estrelas, em diversos veículos midiáticos, mas fora do âmbito dos sete filmes originais, do longa de animação e série The Clone Wars e da série Rebels, todos produzidos pela Lucasfilm. Desde 1978, uma pluralidade de livros, revistas em quadrinho, jogos de RPG, jogos eletrônicos, etc. ampliaram ainda mais o escopo de uma das mais conhecias e bem estabelecidas franquias do mundo.

Mas como se encontra o estado do Universo Expandido de Star Wars após a aquisição da Lucasfilm pela Walt DisneyCompany?

A empresa de George Lucas foi comprada no final de 2012, e a Disney imediatamente anunciou que daria sequência a saga Star Wars com uma nova trilogia, além de que também produziria películas individuais intercaladas com a história principal que seriam chamadas de Antologias. Muitos fãs se indagaram o que isso representaria para o Universo Expandido, já que, obviamente, mudanças drásticas iriam ocorrer. A resposta foi oficialmente dada em abril do ano passado, quando a nova presidente da Lucasfilm, Kathleen Kennedy, anunciou que todo material previamente produzido seria considerado parte de um universo alternativo, a partir de então denominado: Star Wars Legends, e um nova cronologia expandida seria criada com obras inéditas, geradas com maior minúcia e supervisão direta. Foi uma decisão dura que causou revolta em grande parte dos fãs, afinal, décadas de histórias seriam eliminadas da continuidade.

A realidade é que o antigo Universo Expandido, apesar de possuir excelentes obras, após tantos anos e empresas diferentes, um início convulsado e o advento de uma nova trilogia, se encontrava num estado de continuidade bastante complicado e muitas vezes contraditório. Embora a decisão tenha levantado a ira de muito fãs antigos, foi uma atitude lógica, pois permite a síntese das duas trilogias passadas e das ideias dos novos filmes. Para isso foi mantido muito do talento envolvido durante anos no UE, já experiente em tudo no que se diz respeito à saga, e foi criado o “Lucasfilm Story Group”, um grupo formado por indivíduos de diferentes mídias, cujo objetivo é busca da coerência e coesão narrativa do universo Star Wars, seja em livros, jogos, revistas, ou mesmo nos filmes. A ideia, segundo a Lucasfilm, é que toda e qualquer experiência relativa a Star Wars, em qualquer veículo, seja significativa.

Outra questão importante foi a decisão de manter todas as obras produzidas dentro das empresas Disney, ou o mais próximo possível, assim foi cancelado o seriado de computação gráfica Star Wars: The Clone Wars (pertencente ao Cartoon Network, do grupo Warner), e a licença das histórias em quadrinhos passou da Dark Horse Comics para a Marvel Comics (que já publicara a franquia duas décadas antes), subsidiária da Disney desde 2009.

A série de TV sucessora espiritual de Clone Wars foi chamada de Star Wars: Rebels, produzida pelo canal Disney XD, e conta com grande parte da equipe criativa da antiga série de animação, mas com um novo tom e formato, mais fiel à trilogia original. O primeiro livro publicado do novo Universo Expandido chama-se Um Novo Amanhecer, e serve como frequência de Rebels, e tem como protagonista o Jedi KananJarrus, que além de ser um dos principais personagens do seriado, também protagoniza a revista em quadrinhos da Marvel: Kanan Jarrus – O Último Padawan, aparecendo em três histórias de mídias distintas dentro do novo UE.

Talvez uma das coisas mais lamentáveis dessas mudanças seja o cessar de atividades da Lucasarts, subsidiária da Lucasfilm e responsável pelo desenvolvimento de jogos eletrônicos. A empresa criou dezenas de jogos da licença Star Wars, muitos dos quais obtiveram grande sucesso crítico e comercial, além de acumular uma ampla base de fãs. A Disney não teve interesse em manter a subsidiária como nada mais que uma licenciadora, mas isso não quer dizer que não existirão mais jogos da franquia, os direitos exclusivos de foram repassados para a companhia Eletronic Arts.

 

A nova cronologia do Universo Expandido de Star Wars:

 

I

Star Wars: Episódio I –A Ameaça Fantasma (Filme)

 

II  10 anos após o Episódio I

Star Wars: Episódio II -  Ataque dos Clones (Filme)

-

Star Wars: The Clone Wars  (Filme e TV)

Star Wars: Dark Disciple  (Livro)

 

III 3 anos após o Episódio II

Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith (Filme)

-

Kanan: O Último Padawan (HQ)

Lords of the Sith (Livro)

Tarkin (Livro)

Um Novo Amanhecer(Livro)

Star Wars Rebels  (TV)

Rogue One: A Star Wars Story  (Filme 2016)

VI 19 anos após o Episódio III

Star Wars: Episódio VI–Uma Nova Esperança (Filme)

 

Star Wars: Princess Leia (HQ)

Missão Contrabandista(Livro)

Star Wars: Chewbacca  (HQ)

Heir to the Jedi (Livro)

A Arma de um Jedi (Livro)

Star Wars  (HQ)

Star Wars: Darth Vader  (HQ)

Star Wars: Lando  (HQ)

Battlefront: Twilight Company  (Livro)

 

3 anos após o Episódio VI

Star Wars: Episódio V – O Império Contra-Ataca (Filme)

-

Alvo em Movimento (Livro)

VI 1 ano após o Episódio V

Star Wars: Episódio VI –O Retorno de Jedi (Filme)

-

Marcas da Guerra(Livro)

Star Wars: Shattered(HQ)

Star Wars: C-3PO  (HQ)

Estrelas Perdidas (Livro)

New Republic: Bloodline  (Livro)

Before the Awakening  (Livro)

 

VII 30 anos após o Episódio VI

Star Wars: Episódio VII –O Despertar da Força (Filme)

Você também vai gostar:

A supervalorizada gramática
Costura

3 comments on “O Novo Universo Expandido de Star Wars

  1. Fabio disse:

    Muito da hora!

  2. Andrew disse:

    Ótimo texto, amigo Rafa! Parabéns! Agora é esperar pra ver!

  3. Outro tipo de mídia que poucos consomem (mas isso está mudando muito no Brasil) é o caso dos board games (jogos de tabuleiro) que uma empresa gigante na produção desse tipo de midia, a Fantasy Flight que tem uma distribuidora aqui no Brasil, a Galápagos Jogos.

    Agora não se se compra como material do Universo Expandido mas alguns jogos tem histórias e missões próprias que pode ser só do jogo ou talvez até alguma coisa relacionada com as historias do cânone.

    https://www.fantasyflightgames.com/en/products/#/universe/star-wars
    https://www.galapagosjogos.com.br/jogos/star-wars-x-wing

    Existem várias jogos de diferentes tipos e estilos no universo Star Wars!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>