O melhor de Nicholas Sparks

livroPor Lorena Moura

Recentemente eu tinha deixado Nicholas Sparks de lado. Tinha cansado  um pouco da sua história amorosa. Não sei bem porque, mas foi isso que aconteceu. Mas eis que surge o livro “Três semanas com meu irmão”, que me conquistou desde a linda capa criada para ele. Ah, e ainda tinha a sinopse que prometia uma leitura encantadora. E realmente foi. Fiquei  muito emocionada.

O engraçado é que toda a leitura desse livro foi feita ao lado do meu irmão enquanto viajávamos de ônibus retornando de Maceió. Acho que isso me deixou ainda mais emocionada. Porque os laços que nos une é muito forte. E foi assim com Sparks também. A obra é baseada em uma viagem de três semanas que o autor fez com o seu irmão  mais velho Micah, ao redor do mundo. Das ruínas da Guatemala aos passeios de trenó na Noruega, passando pelo Taj Mahal, na Índia, e pelos templos do Camboja. O autor vai alternando os capítulos com histórias da sua infância ao lado de sua família, e com as narrações sobre a viagem atual.

E ao passo que ele vai contado sua história de vida ao lado do seu irmão, vamos o conhecendo a intimidade da família Sparks. E já adianto: é emocionante. E isso me fez refletir o seguinte: devemos ser gratos por todas as bênçãos que recebemos na vida.  E o principal: devemos amar, cuidar e proteger a nossa família. Ela é o nosso maior bem. Durante a leitura pude conhecer tudo o que se passava na vida de Nicholas Sparks enquanto ele escrevia seus livro. Os momentos difíceis e os felizes. E ainda fiquei sabendo várias curiosidades, como quais foram os seus familiares que inspiraram alguns personagens de seus livros. É cada história… Daquelas que marcam uma vida.

E quando eu finalizei a leitura, fiquei tão feliz e agradecida por ter uma família tão especial. Fiquei feliz de compartilhar isso com o meu irmão também. Assim que fechei o livro, virei para ele no ônibus e disse que o amava. E novamente Nicholas Sparks voltou a ter um lugar especial na minha lista de autores. Indico demais. Boa leitura!

Lorena Moura-Jornalista

lorenamoura87@gmail.com

Você também vai gostar:

Um centenário cheio de vida e histórias para contar
Dexter e a difícil arte de conciliar o fato de ser pai e ter uma vida perigosa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>